Ciúme entre irmãos?

Isabela não se incomoda com a presença da Sophia, ela não quer tirar nada da irmã. Mas ela quer fazer parte, ela quer se sentir integrada. Ela não se importa se a Sophia está mamando, mas ela quer se ajeitar do meu lado, deitar na minha perna. Quer ajudar, quer acompanhar, mas também quer ter momentos dela.
Ela quer atenção e se sua “bateria de atenções” está sendo recarregada com frequência, pra ela tudo bem. O que acontece é que uma criança de 2 anos tem uma “bateria de atenções” que se descarrega com facilidade e nem sempre consigo sanar. Mesmo se eu não tivesse outras filhas seria desse modo. Crianças nessa idade são egocêntricas, é esse o desenvolvimento cognitivo e emocional esperado nessa fase. Crianças dessa idade também dão birras, estão medindo o poder de gritos e sapateados, estão tateando limites. Isso está relacionado ao desenvolvimento da Isabela e não dela com a Sophia. Mesmo que Isabela fosse filha única, e ela quisesse que eu ficasse 25 horas do meu dia apenas para ela, isso não seria possível. (Eu também existo!)
Mas o que acontece quando ela se comporta conforme sua idade? Alguém diz que ela está com ciúmes. Estereotipiza uma relação, coloca um vilão e uma vítima na história. Chamamos isso de rótulos. E o ser humano (felizmente ou infelizmente) possui uma predisposição para responder e “vestir” os rótulos. Se Isabela começa a ouvir repetidas vezes que ela está com ciúmes da Sophia e se eu reforço essa ideia, é assim que ela irá se comportar. Chamamos isso de profecia auto-realizadora.

Por isso tudo, devemos ter muito cautela em apontar o ciúme de uma criança por seu irmão. Na maioria das vezes ele está somente no imaginário de quem apontou! Existe uma relação sendo construída, devemos cultivar o amor e amizade entre irmãos e não incentivar a disputa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>