Festa infantil: Como organizar a sua!

Festa infantil: como organizar?

No último domingo comemoramos o terceiro aniversário da Valentina e foi ela quem escolheu o tema: Minnie.

Acontece, que eu já sou procrastinadora e enrolo mais do que o normal para tudo e com a Isabela pequena foi tudo ainda mais difícil. Já estava achando que não seria possível fazer essa festa porque até o último mês eu não tinha nada pronto. Até que apareceu o anjo das festas na minha vida, a Patrícia do Capricho de Festa (clique no nome para conhecer a fan page!) e me ajudou em tudo que eu poderia, conseguiu até ler o meu pensamento e fez muito mais do que eu pedi. Foi minha personal fest! hahaha Além disso ela é um amor de pessoa e eu sem pensar recomendo o trabalho dela. Ela retornará das férias em fevereiro, mas sua agenda já está ficando apertada. Dá pra ver como ela é requisitada, né? A Capricho de Festa é uma empresa focada na realização de comemorações do universo infantil (chá de bebê/fraldas, batizado, aniversários em casa, condomínio, salão, escola e outros) prestando serviços como montagem da decoração, produção de convites, papelaria personalizada, lembrancinhas e locação de móveis. Uma mão na massa para nós mamães sempre ocupadas, não é?

Eu falei para ela que a verba era muito restrita e ela se desdobrou para tudo entrar no orçamento.  As lembrancinhas foram feitas com kits montados da Vidoto Fest e as crianças ganharam também orelhinhas de Minnie e Mickey que entregamos após os parabéns e não no final como costumam fazer. Foi muito legal porque as crianças puderam brincar com suas lembrancinhas na própria festa e adoraram tirar fotos com suas orelhinhas. Os forros das mesas são da Encantada, e o preço foi o melhor que encontrei na cidade. Quando você quer economizar precisa cotar os preços, e a Patrícia do Capricho de festa foi fundamental para isso. Ela me deu umas dicas super bacanas sobre organização de festas e vou postar para vocês! Amanhã farei um post somente com as imagens e os detalhes da festa da Valentina para que esse não fique muito extenso.

Antes de tudo, alguns detalhes precisam ser decididos:

Local da festa: Se você já tiver o local da festa, sua casa, salão do prédio ou ganhou o aluguel de tal salão, você terá também o número máximo de convidados. Caso não tenha o local, comece pela lista e depois tente achar um local que comporte seus convidados para que não necessite fazer mais cortes.
Orçamento: Já tenha uma noção do seu orçamento e do quanto ele é flexível. A chance de você gastar mais que o previsto é grande.
Agora sim o passo a passo e dicas para definir a lista de convidados para sua festa infantil:
– Faça um rascunho da lista começando pelas pessoas que tem um significado especial para você e para seu filho. O importante é que nesse dia só estejam presentes aqueles que realmente fazem vocês felizes, como avós, tios e padrinhos. Assim você terá a quantidade mínima de pessoas que são importantíssimas e que você não pode deixar de convidar.
– Depois começa a parte do bom senso e que só a cabe a você, dono da festa, usá-lo. É a hora de convidar amigos do seu trabalho, amigos da escolinha do seu filho, vizinhos e outros. Você vai precisar cortar algumas pessoas, vai ser difícil, mas posso te dar algumas dicas para facilitar.
– Não tenha receio de limitar a lista. É preferível receber poucas pessoas, do que ter que abrir mão da qualidade para servir muitas.
– Você também não é obrigado a convidar todos com quem trabalha ou todas as crianças da sala de aula. Selecione as pessoas e os amiguinhos com as quais, você e ele, têm maior afinidade e entregue convites em mãos, individualmente. Porém, também não é elegante ficar falando sobre o aniversário durante o expediente ou na escola, principalmente perto das pessoas que não tem intenção de convidar. Seja discreta.
– Se você tem alguém realmente importante que não sabe se deve convidar, ou não, por estarem afastadas por algum motivo, meu conselho é: convide mesmo assim. Da mesma forma que você não deve se sentir obrigada a retribuir um convite somente por delicadeza, também não deve se privar de ter a companhia das pessoas que realmente fazem diferença pra você, e deixar claro que, apesar de tudo, essa pessoa tem importância na sua vida.
– É opção sua convidar ou não uma pessoa porque foram convidados para o aniversário do filho dela, ou outra festa dela. Se a única razão para convidá-la for porque ela te convidou primeiro, e você fará o mesmo apenas para retribuir o convite, isso será apenas um ato político. E aniversário não é hora de fazer política. Diga que será uma comemoração íntima, só para os familiares e amigos bem próximos, e ponto.
– Festa infantil boa, é festa com muita criança. Então dê preferência em primeiro lugar para pessoas especiais para você e seu filho, e depois dê preferência para pessoas com filhos. Mas lembre-se use o bom senso!
– Mesmo com alguns buffets não considerando crianças até 5 anos de idade na contagem, coloque-as na lista para ajudar na contagem de cadeiras e lembrancinhas.
– Após ter feito a lista considere que aproximadamente 15% das pessoas deixarão de ir.
Pronto! Rascunho feito e você vai chegar a uma destas categorias para festa infantil: Festa mini até 50 pessoas, festa pequena até 80 pessoas, festa média até 100 pessoas, festa grande acima de 120 pessoas.
Agora é só fazer a lista definitiva com todos os convidados e a lista para confecção dos convites.

Qual a melhor opção para se realizar uma festa infantil?

 Para mamães que ficam em dúvida sobre qual tipo de festa fazer para seu filho(a), a equipe do Capricho de festa diz quais sã os prós e os contras de cada opção. Confira!
Festa em buffet
 
Uma festa realizada em buffet tem a comodidade de você assinar o contrato, pagar e só voltar no dia da festa, como se você fosse mais uma convidada. Nos buffets normalmente já estão inclusos: o espaço, os monitores, comida, bebida sem álcool, uma grande variedade de brinquedos e decoração da mesa temática. Você paga um preço salgado por este conjunto, pois buffet bom não é barato. Mas sua única preocupação será com as fotos e lembranças. Porém, o que leva muitas pessoas a fugirem dos buffets, é a impessoalidade, pois as festas são todas iguais. O barulho também é algo que incomoda. Como hoje em dia estão em alta as festas personalizadas, muitas mamães acabam optando por fazer a festa do seu gosto, em um espaço em que ela possa tomar conta e organizar tudo de sua maneira.
Mas se você optar por fazer a sua festa em um Buffet, observe se o mesmo possui alguns itens necessários: ar condicionado, gerador próprio, segurança, a qualidade da comida, a conservação e limpeza do ambiente, banheiros e brinquedos, se o espaço é confortável e capacitado para acomodar todos os seus convidados. Evite locais com escadas, janelas baixas e brinquedos perigosos. Segurança de seu filho e dos convidados é um dos pontos principais. Não deixe de fazer uma degustação, e de preferência, tente coletar informações com amigos sobre a qualidade do atendimento. Muitos buffets são bons, mas pecam pela péssima qualidade de atendimento dos monitores com as crianças.

Escolinha

Se a festinha for feita na escola da criança, que costuma ser mais econômica, pode ser feito no dia em que a criança nasceu. Uma das desvantagens é que normalmente os parentes e amigos fora da escola não participam.

Festa em casa
 
Se você pretende fazer uma festinha mais restrita para poucos convidados, com baixo custo, esta é a opção ideal.Você pode contratar um buffet a domicílio, alugar um brinquedo para distrair as crianças e fazer você mesma a decoração – o que sai muito mais em conta. Porém é necessário atentar se a casa possui estrutura para comportar os  convidados, bem como lembrar que, depois da festa, fica a sujeira. Portanto, pense bem antes de escolher esta opção, pois pode ficar mais caro do que alugar um pequeno salão.
Festa em salões de festas
Como hoje em dia a maioria dos condomínios possui salões de festas, muitas pessoas aproveitam esta comodidade para fazer a festa no próprio condomínio.
Para quem optar por uma festa em salão, saiba de antemão que você terá mais trabalho. Pois ficará por sua conta organizar comes e bebes, doces, o entretenimento, a decoração. E mesmo que você contrate todos os serviços de profissionais, no dia da festa você terá que atender os fornecedores e observar se tudo está saindo como o planejado, sem contar que ainda ficará por sua conta os convites, lembrancinhas, fotos…
Porém, apesar do trabalho, este tipo de festa é muito comum, pois muitas mamães fazem questão de organizar cada detalhe da festa. Além disso, em um salão você pode apostar em fazer uma festa exclusiva para o seu filho, com os itens separados de cada fornecedor de sua preferência. Pode escolher um buffet com comidas diferentes, docinhos personalizados, pode contratar ou montar uma decoração personalizada com um tema diferente. Enfim, são várias opções. Foi essa a opção que escolhi para comemorar o terceiro ano, a diferença é que não tive toda essa preocupação porque a Patrícia monitorou tudo!
Outras vantagens da festa em casa ou no salão: os horários são mais flexíveis do que os horários dos buffets que normalmente são fixos as 12 e 18 horas. O custo também, comparado ao de um buffet, é significativamente mais baixo. Nos buffets, o custo por pessoa excedente costuma ser bem alto, já uma festa em salão, o valor por pessoa vai aumentar apenas na alimentação excedente e acomodação, o que geralmente não eleva muito os gastos.
Independente do tipo de festa escolhida, o importante é escolher a opção que cabe no seu bolso e que satisfaça suas expectativas. Se você gostar de preparativos e tiver tempo para se dedicar será uma delícia participar de toda essa experiência. Caso não, tente ao menos escolher um buffet seguro e que tenha recomendações.

A arte de convidar, a importância do convite

A importância do convite
É comum ouvirmos “quero o convite mais barato, vai para o lixo mesmo!”, mas não podemos esquecer que o bom gosto na escolha do seu convite faz toda a diferença, pois é o primeiro contato que você faz com os seus convidados, então, se você quer que sua festa seja um sucesso, o convite é o princípio de tudo. A sua festa começa a ser elogiada ou não, na entrega do seu primeiro convite. Pode acreditar, seu convidado já imagina a sua festa a partir desse momento. Já percebeu que a cada dia que passa as pessoas não comparecem a nossos eventos? Não será talvez porque nós paramos de dar a importância devida ao convite e muitas vezes usamos somente o Facebook e outros meios virtuais para comunicar nossos convidados?
Com certeza todos nós gostamos muito quando somos convidados, principalmente quando esse convite é feito de uma forma especial e personalizada. Nos sentimos importantes, sabemos que a nossa presença é fundamental para aquela pessoa que nos convidou.
Aprendendo a grafia dos nomes dos convidados
Antes de saber como endereçar, se atente em saber como escreve o nome do convidado. Existem muitos nomes diferentes e nomes simples escritos de diversas formas como Isabela, Isabella, Izabela, Izabella. Hoje em dia com as redes sociais fica fácil descobrir como é a grafia do nome dos seus convidados.
Não é pecado escrever o nome errado, principalmente os difíceis, mas é uma questão de carinho e de atenção.
A quem endereçar 
A festa infantil dispensa uma série de formalidades e isso fica claro no endereçamento dos convites. Sinta-se à vontade para escrever o que achar melhor. Mas aqui vai algumas dicas:
Para convidar usando o nome das crianças
Caso seu filho conheça apenas uma criança da família, ou a criança seja filho único, você pode colocar o nome dele. Não esqueça de colocar ‘e família’, para que os pais e irmãos se sintam convidados.
– Júnior e Família
Para convidar convidados especiais de forma carinhosa
– Vovô Marcos e Família
– Tio Marcos e Família
– Padrinho Marcos e Madrinha Camila
Para convidar um casal
Se o convite não se estende aos filhos e outros parentes que moram na mesma casa, mas apenas ao casal, pode ser colocado:
– Marcos e Camila
Para convidar um casal e sua família
Coloque o nome do convidado seguido da palavra “Família”. Mas fique atenta: isso significa que o convite se estende a todos os que moram na casa, o que inclui filhos ou outros parentes que vivem juntos.
– Marcos e Família.
Para convidar uma amiga solteira ou divorciada
Coloque apenas o nome dela. Se ela tiver filhos, pode colocar “e Família”, o que significa que todos os familiares estarão convidados. Se você quer convidar apenas sua amiga e um filho, por exemplo, coloque o nome de cada um.
– Camila Pires
– Camila e Família
– Camila e Leonardo
Lista e prazo para confecção dos convites
Após aprender a grafia dos nomes dos convidados, aprender a endereçar, está na hora de fazer a lista final. Esta será enviada para confecção dos convites, exigindo assim que seja feita cuidadosa e carinhosamente. A maioria das empresas, inclusive a Capricho, pede o prazo de 15 dias úteis para confecção de convites personalizados, porém este prazo é negociável de acordo com a produção da empresa. Mas para que seja tranquilo para as duas partes, o recomendável que procure uma empresa para confecção dos convites dois meses antes da festa. Assim terá tempo para produção e entrega.
Prazo de entrega dos convites
Já a entrega dos convites deve começar 20 dias (corridos) antes da festa. Comece pelos convidados principais, mesmo que a data esteja longe, eles não vão esquecer e depois para os demais convidados. Entregar no máximo 7 dias antes da festa, por questão de educação e consideração a agenda do convidado.
Após a entrega dos convites a ansiedade vai aumentar, os dias vão ficar mais corridos, e num piscar de olhos será o grande dia.
Eu amo o conteúdo gratuito que tem no site Fazendo a festa, lá você encontra modelo de convite e até kits completos somente para imprimir.

Qual quantidade de comida e bebida para sua festa?

Com a lista em mãos sabendo a quantidade de convidados, agora é hora de saber qual é a quantidade de comida e bebida para sua festa. O site da Revista Crescer fornece uma página bem bacana para fazer esse cálculo! Clique → Aqui ← para fazê-lo.

Pronto, o corpo da festa está montado! Agora você precisa pensar nos detalhes extras como animadores de festa, pintura facial, contação de história, show de mágica e outros que você se interessar!

Com essas super dicas da Patrícia do Capricho de Festa tenho certeza que ninguém ficará perdido para começar a organização da festa não é? Quero deixar aqui meu muito obrigada a todos os parceiros que além da Patrícia me ajudaram a realizar a festa: O Eduardo do Vidoto Fest e a Raquel do Encantada.

Segue abaixo contato de todos, tenho certeza de que serão tão eficientes e prestativos como foram comigo:

Capricho de Festa

(34) 3086-5811 (fixo)
(34) 9266-2724 (tim)

www.caprichodefesta.com.br

www.facebook.com/caprichofesta

Vidoto Fest

Avenida Brasil, 1472 – Bairro Nossa Senhora da Aparecida. Uberlândia – MG

(34) 3234-5888

www.vidotofest.com.br/

https://www.facebook.com/pages/Vidoto-Fest/1427506400799187?sk=timeline

Encantada Festas

Av. Cesário Alvim 1920. Uberlândia-MG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>