Isabela aos 3

Isabela aos 3

Eu me lembro do últimos dias antes do parto. A expectativa, o êxtase misturado à preocupação de não conseguir. Lembro perfeitamente de quando você nasceu escorregando das minhas entranhas… você fez com que me sentisse tão forte, mas eu só conduzi sua chegada. Esse continua sendo seu jeito de chegar, suave e fortemente presente.

Eu falhei quando tentei guardar seu bafinho de leite em um potinho, mas consegui memorizar claramente o cheiro da sua cabecinha suada depois que mamava.

Eu tenho mentalmente gravado o remelexo dos seus primeiros passos, o “mamamamamama” das madrugadas. Eu nunca vou esquecer o modo como você batia uma palma e esticava as mãos para pedir que eu a pegasse no colo. Eu nunca perdi uma oportunidade de pegar você no colo, não perco ainda. Você sempre tão macia e delicada, antes cheia de dobrinhas, hoje com traços de menina invadindo seu rosto de bebê. Você não sabe, mas eu memorizo seu rosto nas madrugadas. Lembro da dificuldade para comer, para tomar remédio… “eu nunca vou tomar esse vemédio” você fala entre os dentes com seu pouco tamanho. Você sempre soube se impor. Às vezes falando entre os dentes, mas quase sempre convence pela doçura da voz e com seus grandes olhos amendoados.

Hoje me concentro para guardar sua voz, o som da sua gargalhada, o toque das suas mãos acariciando meus cabelos. Nunca vou esquecer de você vindo correndo no banheiro de madrugada, empurrar a porta e me mandar um beijo com seus olhos sonolentos e falando te amo mamãe! Antes que eu pudesse responder você já tinha voltado para cama. É tão você fazer essas coisas… O “QUE LINDA MAMÃE” que você diz é o mais entusiasmado do mundo. Você não perde uma oportunidade de fazer um elogio, de ser gentil! Isso está presente em cada gesto seu.

Você é o nosso chocolate com pimenta, você tão pequenina é cheia de características pronunciadas e admiradas. Você me trouxe a oportunidade de uma maternidade mais consciente e verdadeira, você me trouxe a possibilidade de errar e continuar em frente. E apesar de não ter conseguido guardar nada em um potinho, tudo de você está para sempre guardado em um lugar muito mais seguro: meu coração. Mamãe te ama! ♥️

isabela aos 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>